Fui contemplado: saiba o que fazer nesta etapa do consórcio

A contemplação no consórcio é uma das etapas mais aguardadas pelos consorciados. Afinal, é o momento de usufruir da carta de crédito para realizar a conquista tão sonhada. Contudo, muitos ficam na dúvida do que fazer quando isso acontece. Por isso, reunimos neste artigo o passo a passo que você deve seguir quando for contemplado.

Antes de ser contemplado: entenda as etapas

Antes de saber o que fazer quando você for contemplado, é importante ficar por dentro de todos os processos antes desta etapa. No consórcio, as etapas que antecedem a contemplação são:

  • Contratação do consórcio;
  • Pagamento das parcelas;
  • Sorteios ou lances.

Contratação do consórcio

Para ser contemplado, a contratação do consórcio é o primeiro passo. Como explicamos em artigos anteriores, o consórcio é uma modalidade de compra baseada na união de pessoas – físicas ou jurídicas. É a opção mais barata e acessível do mercado para adquirir bens como carro, moto ou imóveis.  Além de ser completamente segura pois é regulamentada pelo Banco Central do Brasil. Durante a contratação, o consorciado negocia o valor do crédito e o prazo que quer pagar com a administradora. Entenda como funciona.

Pagamento das parcelas

O segundo passo após a contratação de seu plano é o pagamento das parcelas.O consorciado precisa estar em dia com as parcelas para validar a contemplação. Caso contrário, pode perder o direito de receber a carta de crédito. Portanto, organize-se financeiramente para pagar as mensalidades em dia. Em casos de imprevistos, negocie com a administradora uma forma de reduzir o valor da mensalidade. O consórcio é super flexível.

Sorteios ou lances

Com o pagamento em dia, o consorciado participa todos os meses de assembleias, onde ocorrem os sorteios. São nestes que ocorrem as contemplações. Além disso, você aumenta as chances oferecendo lances, antecipando parcelas ou quitando o consórcio.

Fui contemplado, e agora?

Seguindo todos esses passos, a contemplação do consórcio torna-se uma realidade. Quando contemplado, você deve seguir algumas recomendações básicas antes de ter acesso à carta de crédito. Montamos um passo a passo. Veja abaixo:

Documentos necessários

O primeiro passo  ao ser contemplado é reunir os seus documentos pessoais e do bem que deseja adquirir. Alguns documentos são pedidos com frequência, tais como: RG ou CNH; CPF ou CNPJ; comprovante de residência em nome do consorciado; e comprovante de renda.  É importante estar atento aos detalhes e se planejar antes de ser contemplado.

Além disso, para ter acesso à carta de crédito, você precisa reunir os documentos do bem que deseja adquirir. Obviamente, as exigências de um imóvel serão diferentes das de um carro. Portanto, o ideal é planejar-se antes mesmo da contemplação para não ocorrer um certo atraso na liberação do crédito.

Se você estiver buscando um carro zero, por exemplo, você deve ficar atento aos detalhes como:

  • Cor;
  • Identificação da marca;
  • Modelo;
  • Ano de fabricação;
  • E outros detalhes do veículo.

Agora, se for um carro usado, outros detalhes devem ser levados em consideração:

  • Avaliação do número do chassi;
  • Realização de vistorias periciais;
  • Estado de conservação;
  • Entre outros.

O mesmo vale para motos e outros autos.

Com o consórcio de imóvel, não é diferente. Se você escolheu este tipo, é ainda mais importante verificar toda a documentação. É necessário provar para a administradora que aquele imóvel está em conformidade com lei. Para isso, precisa de:

  • Certidão negativa de tributos municipais;
  • Certidão de valor venal;
  • Matrícula do imóvel;
  • Instrumento particular com força de escritura.

Sendo uma construção de imóvel, os documentos são outros:

  • Cronograma das atividades da obra;
  • Alvará;
  • Planta aprovada pela prefeitura;
  • E outros.

Em todos os casos, o ideal é você tirar todas as dúvidas com a administradora durante a contratação. Sendo assim, evita-se imprevistos e burocracia na contemplação.

Comprovação de renda

O consorciado contemplado precisa comprovar a sua renda para administradora.

Na prática, se você for um assalariado, deve apresentar o contracheque dos últimos três meses ou a carteira de trabalho. Para autônomos, geralmente é solicitado uma cópia do Imposto de Renda ou extrato bancário. Agora, se for aposentado ou pensionista, deve mostrar os recibos do benefício.

Receba a carta de crédito

Após todas as comprovações, é hora de receber a carta de crédito. Dessa forma, você pode adquirir o bem como planejou. Como explicamos neste artigo, o dinheiro não é depositado na sua conta bancária. Você recebe uma espécie de vale-compras que pode ser utilizado na categoria do  consórcio que contratou, ou após a finalização de seu grupo utilizar o valor em dinheiro.

Para entender mais sobre o assunto entre em contato com a equipe da bro. para tirar todas as suas dúvidas.

voltar

sonhe e planeje agora! escolha o valor e quanto pode pagar.

queremos saber com o que você sonha.

seu sonho agora é a nossa prioridade. preencha seus dados e simule

seu sonho agora é nossa prioridade. preencha seus dados e faremos contato assim que seu sonho estiver disponível

ops!

você precisa colocar um valor diferente de 0.

ligue para nós 0800 500 9918

ou a gente liga pra você

selecione o dia da semana e horário: